Atingidos do Rio de Janeiro acolhem encontro internacional

20/09/2016 11:28

Atingidos do Rio de Janeiro acolhem encontro internacional

Acontece na área atingida pela Barragem do Guapiaçu, em Cachoeiras de Macacu/RJ, o IV Encontro Internacional pela Terra e o Território. Mais de 50 pessoas vindas de todas as regiões do Brasil, da Bolívia, Chile e Colômbia participam do encontro que iniciou ontem, dia 14, e segue até sábado.

O encontro é organizado pelo grupo de estudos Lemto, da Universidade Federal Fluminense, pela Associação dos Geógrafos  Brasileiros e pela organização Sudamérica Rural.

Durante os 4 dias de encontro, os participantes terão momentos de troca de experiências de luta e organização. Nesta manhã, os visitantes foram recebidos na casa da liderança do MAB, Seu Alzeir, que juntamente com outras lideranças contaram a história de luta e resistência na região do Vale do Guapiaçu contra a barragem e pela permanência na terra.  

Durante a tarde de hoje camponeses, pescadores, quebradeiras de coco, indígenas, entre outros, relataram suas experiências.

Os participantes ficaram muito interessados pela luta dos atingidos por barragens na região. Segundo os atingidos, o evento é importante para que os moradores locais conheçam como pessoas de outros locais lutam.  "Mas além disso, o encontro está sendo válido para ampliarmos nossa denúncia sobre o projeto de barragem que nos ameaça", disse seu Levi, uma das lideranças locais.  

Um dos coordenadores, o professor Carlos Porto Gonçalves, disse que fazer o encontro no vale do Guapiaçu foi uma opção política. "Podíamos ter feito o encontro no centro do Rio, mas fazer aqui foi uma opção para darmos visibilidade a luta dos atingidos".

http://www.mabnacional.org.br/noticia/atingidos-do-rio-janeiro-acolhem-encontro-internacional